Plus500

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

AT e AF: análise ou estratégia?

Uma grande confusão, que já dura algum tempo, é a definição do que seja AT. O que muitos consideram como AT na verdade não o é, mas sim uma estratégia baseada em AT. Esse modelo de estratégia se popularizou com o surgimento dos Home Brokers e a possibilidade de manter ordens de stop. Fez fama quando supostamente evitou grandes prejuízos decorrentes das crises econômicas. Logo, 95% dos que diziam usar AT na verdade usavam uma estratégia de operação baseada no uso de stops.

Esse método foi incentivado por corretoras e analistas, interessados nos ganhos decorrentes das taxas de corretagem. Isso porque, nessa estratégia, para cada operação com sucesso ocorriam diversas outras que fracassavam, gerando constantes ordens de compra e venda. Hoje, muitos percebem que essa estratégia talvez não seja a melhor. Simplesmente comprar uma boa ação como Vale PN talvez resultassem em ganhos superiores no longo prazo.

De fato, o uso de stops não é a melhor estratégia num mercado francamente altista. Vários foram os que venderam diante do primeiro espirro do mercado. Vários perderam oportunidades de compra esperando o rompimento de uma LTB ou o surgimento de um pivot. Enquanto isso, quem usou algo que lembra a AF pode dormir tranqüilo sem, aparentemente, maiores preocupações.

Continua em Abaco - Análises Técnicas

Um comentário:

monitor disse...

Todas as boas-vindas ao mais novo blog participante da relação de links selecionados para o MF.net.

O Abaco é um antigo conhecido, e dedicado estudioso de AT, com passagens marcantes através de suas contribuições em diversos fóruns de mercado.

Obrigado por compartilhar seus artigos em nossa comunidade, caro Abaco.

Sucesso!

Equipe Monitor Financeiro