Plus500

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Um estranho na Fiat

Dias atrás tive a oportunidade de entrevistar o presidente mundial da Fiar, Sergio Marchionne. O executivo estava no Brasil para anunciar um investimento de 5 bilhões de reais que a empresa fará no país. Marchionne marcou a entrevista (a única concedida durante sua estada), num domingo de manhã. Confesso que quando acordei às 6h da madrugada daquele domingo para ir para o aeroporto me perguntei se o esforço valeria a pena. Afinal, fazer um vôo bate-volta para Belo Horizonte num domingo não é exatamente o melhor programa para o final de semana. Quando Marchionne entrou na sala, porém, vi que tinha a minha frente um executivo diferente. Seu visual beirava o desleixo: camisa pólo azul-marinho, calça esporte, mocassim, barba por fazer, cabelo mais comprido do que reza o protocolo do mundo corporativo. Aos poucos, ficou claro que ele não é diferente apenas no visual. Marchionne fala coisas que a maioria dos executivos não diz abertamente. Por exemplo, que ele não tem vergonha de "roubar" boas idéias de empresas como Apple e Toyota. "Não há nada de errado em reconhecer quando nosso concorrente é melhor", disse ele. Marchionne não perde tempo tentando impressionar o interlocutor com complexas teorias de gestão (como tantos executivos com quem tenho conversado recentemente). Sua receita é simples: estabelecer um pequeno grupo de metas, hierarquizá-las e trabalhar duro para que sejam alcançadas. Nada de pirotecnias. Com esta fórmula, mesmo sem ter trabalhando antes na indústria automotiva (ele entrou na Fiat em 2004), Marchionne conseguiu tirar a montadora italiana da maior crise de sua história -- o que, convenhamos, não é pouco.

Leia mais em Por Dentro das Empresas

Um comentário:

monitor disse...

O que dizer então do brasileiro Carlos Ghosn, presidente mundial da Renault-Nissan, com reputação de ser um dos melhores administradores do mercado.

Veja entrevista:

http://g1.globo.com/Noticias/Carros/0,,MUL233918-9658,00-BRASIL+E+MERCADO+ESTRATEGICO+DIZ+PRESIDENTE+DA+RENAULTNISSAN.html